Postagem em destaque

Junho, o mês do Sagrado Coração de Jesus

Imagem
Entenda a origem desta devoçãoNo mês de junho, a Igreja celebra o Sagrado Coração de Jesus, uma devoção que existe desde os primórdios do Cristianismo, quando as pessoas refletiam sobre o coração aberto de Jesus.

Qual foi o milagre que levou à canonização da Irmã Dulce?

Irmã Dulce

Obras Sociais Irmã Dulce / Divulgação

Foram três etapas de avaliação até o reconhecimento oficial

Tem despertado grande interesse e alegria entre os brasileiros, inclusive entre muitos não católicos, a notícia oficializada nesta segunda-feira de que a beata Irmã Dulce vai ser em breve canonizada, graças ao reconhecimento de um segundo milagre atribuído à sua intercessão.

Além da trajetória da santa e da canonização em si, outros diversos aspectos desta notícia vêm chamando as atenções: o fato de que se trata da primeira mulher nascida em solo brasileiro a ser declarada santa pela Igreja e o de que a canonização foi anunciada apenas 27 anos após o seu falecimento. Aliás, será a terceira canonização mais rápida da história recente da Igreja, atrás apenas do Papa São João Paulo II (9 anos após a morte) e da Santa Madre Teresa de Calcutá (19 anos). Houve casos mais rápidos em tempos antigos, como o de Santo Antônio de Lisboa e Pádua, no século XIII, canonizado 11 meses após a morte.

Mas um dos assuntos mais chamativos é, certamente, o reconhecimento do segundo milagre atribuído à intercessão da Irmã Dulce.

O milagre

Foram três etapas de avaliação até o reconhecimento oficial: peritos médicos fizeram as análises científicas, teólogos deram o aval da Igreja do ponto de vista doutrinal e o colégio cardinalício validou as conclusões de ambas as comissões.

Os detalhes ainda não foram divulgados, mas a Arquidiocese de Salvador e as Obras Sociais da Irmã Dulce informaram que o milagre foi obtido por uma pessoa que recuperou inexplicavelmente a visão.

Anteriormente, na fase da beatificação, tinha sido reconhecido em outubro de 2010, como primeiro milagre atribuído à intercessão da Irmã Dulce, a cura de uma mulher com um gravíssimo quadro de hemorragia fora de controle. Em um período de dezoito horas, ela tinha passado por três cirurgias sem que o sangramento fosse estancado. Após uma súplica pela intercessão da Irmã Dulce, porém, a hemorragia parou de modo repentino, inexplicável e sem qualquer intervenção médica, seguindo-se da plena recuperação da paciente.

Aleteia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Lia - A Primeira Esposa de Jacó

Os Significados dos nomes dos “12 FILHOS DE JACÓ”

As Festas Judaicas no Tempo de Jesus

Na SEMANA passada

Os Significados dos nomes dos “12 FILHOS DE JACÓ”

A inspiração espiritual que está por trás desta foto da Rainha Elizabeth

Lia - A Primeira Esposa de Jacó

17. A História de Salomão

Crer, Celebrar, Viver e Rezar